fbpx

Existe um amor real em relação às corridas de barco em Anguila. A tradição, os barcos por si só e as regras da corrida são únicas.

 
Como tudo começou

Corrida de barco

A corrida de barco é o passatempo nacional de Anguila e também sua paixão nacional. Cada barco tem seus fãs, cada capitão e equipe apresentam sua estratégia, e cada final conquistada torna este esporte especial como nenhum outro na ilha. Como espectador, não há visão que se compare às escunas tradicionais que partem da costa na brilhante água turquesa. Velas brancas se sobrepõem como asas gigantes contra o azul do mar. Com um herança que remonta ao início dos anos 1900, as corridas de barcos são um evento e uma tradição – tão vivas como sempre.

Um século atrás, quando o fracasso da economia baseada em plantações anguilanas era aparente e as condições econômicas tornaram-se cada vez mais severas, os homens de Anguila foram ao mar em busca de emprego nas ilhas vizinhas, em particular à rica planície de cana de açúcar da República Dominicana. Em seu retorno, as viagens para casa se tornaram ferozes competições de velocidade. As escunas batalhavam por todo o tempo no mar e ao redor da Baía Road para a glória de ser o primeiro a chegar em casa. Na década de 1930, ocorreu uma corrida de proporções históricas. O Warspite e o Ismay, duas das escunas mais famosas de Anguila, estavam retornando da República Dominicana juntamente com vários outros barcos. A bordo, de 300 a 400 homens, todos sedentos pela costa, que anunciaria sua volta à casa. Em um domingo de manhã, depois de cinco dias de difícil navegação, as escunas foram avistadas a oeste da Ilha Dog, correndo em direção à Baía Road. Todo o tempo, a Igreja Metodista de Bethel estava em culto, no topo da colina que rodeia a Baía Road. Quando os barcos vieram inclementes, afastando-se um do outro apenas em Dowling Shoal, já próximos da Ilha Sandy, a emoção dos paroquianos assistindo das janelas da igreja tornou-se insuportável. Eventualmente, todos, incluindo o Ministro, deixaram o sermão para animar os barcos da beirada da colina, deixando a igreja vazia. Foi o início do esporte que hoje traz diversos espectadores para as corridas de barco.

O Warspite, o mais famoso barco de Anguila. Comprimento de 22 metros, construído em 1902.

Foto: The Anguilla Archeological and Historical Society

Hoje, os barcos ainda são construídos à mão. A mudança aconteceu na técnica utilizada: ao invés de esvaziá-los a partir de cedros brancos, a técnica WEST (técnica de epoxi saturada) introduzida por David Carty é hoje o método preferido. O tamanho determina se eles são classe A, B ou C. Classe A é a maior e mais popular, capaz de transportar 14 homens com centenas de quilos de lastro. As corridas são realizadas em várias ocasiões durante a primavera e o verão, começando pela semana da Páscoa e culminando no Campeão dos Campeões, uma corrida de volta à ilha realizada em agosto, no final da Semana de Corrida de Barcos. Os Landracers, como os espectadores entusiásticos são chamados agora, alinham-se nas praias, nas estradas e nos montes para incentivar o seu barco favorito. Os eventos de corrida de barco são sempre acompanhados por churrascos, aferição de apostas, música e dança – estes são eventos insulares imperdíveis, excitantes, bonitos e culturais.

O big 50: Dia da Corrida de Barcos de Anguila de 2017

Foto: Rudy Webster

Veja o documentário de David Carty Nuttin’ Bafflin’ para saber mais sobre a navegação em Anguila e sobre as tradicionais corridas de barco.

E veja o calendário de corridas de barco aqui.
Cultura do Tênis de Anguila

Tênis

A próspera cultura de tênis de Anguila é devida em parte à Academia de Tênis de Anguila (ATA), , que vem fornecendo serviços de tênis para a ilha de Anguila e para outros países vizinhos desde 1966. A ATA é um programa de base sem fins lucrativos com a missão de capacitar os jovens usando o tênis como veículo de transformação social.

Acampamento de Verão da Academia de Tênis de Anguila

Foto: The Anguilla Tennis Academy

O fundador Mitchelle Lake, uma estrela de tênis anguilana e empresário bem sucedido, estava determinado a não somente expor a juventude de Anguila, independentemente do status econômico, ao esporte do tênis, mas também à facilitar suas oportunidades educacionais, já que ele próprio era beneficiário de uma bolsa de tênis. Ao longo dos seus 21 anos de existência, a Academia de Tênis de Anguila ajudou a ensinar tênis a mais de 4.000 crianças de 5 a 17 anos, e alguns de seus atletas de elite passaram a ganhar bolsas de atletismo em universidades americanas. A instalação de tênis de última geração agora hospeda o primeiro evento de tênis da ilha em novembro, a Copa Anguila, oferecendo aos locais e visitantes a oportunidade de aproveitar uma semana de tênis de classe mundial.

Anguila e suas modernas instalações para a prática do tênis

O Parque Ronald Webster Park, localizado em The Valley, é lar de duas quadras públicas de tênis..

Competição de ciclismo

Ciclismo

As competições de ciclismo são um grande esporte na ilha, beneficiadas pelos terrenos finamente planos, beiras tranquilas de rodovias e vias principais que tornam fácil pedalar pela região. A região oriental da ilha, em particular, sendo mais tranquila e menos desenvolvida, oferece grandes vantagens, com vistas incríveis e paisagens oceânicas magníficas. Em julho de cada ano, a Associação de Ciclismo de Anguilla (Contact Us), hospeda a Corrida de Ciclismo John T. Memorial, que é um dos maiores eventos de ciclismo do Caribe.

Ciclistas na Corrida Anueal John T Memorial 2017

Foto: Anguilla Amateur Cycling Association

Estrada e Mountain Bikes estão disponíveis para locação da maioria dos hotéis e outfitters locais.

Uma paixão caribenha

Dominó

O jogo de dominó é uma paixão caribenha, e Anguila não é exceção. O jogo pode ser jogado em qualquer lugar, muitas vezes na rua à noite ou espalhados sob uma árvore de mangas ou tamarindos, com um pouco de rum ou uma cerveja. O som das pedras que tocam na mesa é um som familiar e que até já inspirou artistas.

Veja Arte de Anguila: Tons de dominó 4

Embora definitivamente um evento social, o dominó também é jogado de forma competitiva; A Equipe de Dominó de Anguila compete nos torneios do Conselho Mundial de Dominó, jogados a cada dois anos na região.

Locais jogando dominó

WordPress Lightbox Plugin